Turquia prende estudantes por protestarem contra ofensiva militar

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Regime islâmico da Turquia detém alunos da Universidade do Bósforo por manifestações contrárias a operação turca contra curdos na Síria. Grupo estudantil afirma que Erdogan quer controlar ensino.

Tilbe Akan fala rápido e parece ainda não acreditar no que está acontecendo no campus da universidade onde estuda:

Eles nos xingaram e nos arrastaram para dentro do carro da polícia, feito criminosos.

Tilbe, de 23 anos, é uma dos cerca de 20 estudantes da Universidade Bogaziçi, em Istambul, presos nos últimos dias por criticarem a intervenção militar turca no norte da Síria. Depois de mais de oito horas em custódia policial, Tilbe foi liberada. Mas muitos de seus colegas continuam detidos.

Segundo o advogado Inayet Aksu, forças de segurança realizaram duas buscas e invadiram vários dormitórios no campus da universidade e uma residência. Ele declarou:

Eles chegaram por volta de seis horas da manhã, fortemente armados. Faz mais de 15 anos que não acontece algo assim nessa universidade.

A estatal Bogaziçi, também conhecida como Universidade do Bósforo, é uma das escolas superiores mais famosas da Turquia, onde estudaram políticos, empresários e artistas de renome. Ela é também apreciada por estudantes de intercâmbio do mundo todo.

Entre os atualmente presos, há vários membros da associação estudantil marxista Marksist Fikir Topluluğu. Tilbe Alkan, que cursa Línguas, Literatura e Cinema e, é membro do grupo há vários anos. Ela foi presa quando queria protestar contra as buscas, e agora faz acusações graves contra a polícia:

Eles nos bateram, inclusive na cabeça. Um [dos estudantes] está com o nariz quebrado. Todos nós providenciamos atestados médicos.

Tilbe Akan acredita que as prisões não são coincidência:

Erdogan está usando essa guerra para fazer calar toda a oposição. Ele a usa para roubar nossa liberdade de opinião e tirar a autonomia das universidades. Ele quer criar uma geração tacanha, que só conhece uma opinião: a dele. E por isso quer controlar as escolas e as universidades.

 

Com informações de: [DW]

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.