PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Turquia já enviou 2 mil para prisão perpétua por suposto golpe de Estado

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Quase 2.000 condenações à prisão perpétua por suposto golpe de Estado na Turquia.

Os condenados foram acusados de ligação com o fracassado golpe de Estado de julho de 2016 contra o presidente Recep Tayyip Erdogan, informou nesta terça-feira (18) a imprensa estatal.

Ancara acusa o pregador Fethullah Gulen, que vive no exílio nos Estados Unidos há cerca de 20 anos, de estar por trás da tentativa de golpe.

Desde o golpe fracassado, as autoridades turcas realizaram expurgos de alcance sem precedentes contra supostos partidários de Gulen, que nega qualquer envolvimento no caso. Mais de 55.000 pessoas foram presas e 140.000 demitidas ou suspensas.

Dos 289 julgamentos realizados desde a tentativa de golpe no país, 239 foram concluídos e o resultado é um total de 1.934 penas de prisão perpétua, segundo a agência estatal de notícias Anadolu.

Outras 1.123 pessoas foram condenadas a penas entre um e 20 anos de prisão, de acordo com a mesma fonte.

Adaptado da fonte AFP
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.