Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Turquia sai em defesa do Azerbaijão em conflito com Armênia

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Erdogan derrotado em eleições nas maiores cidades da Turquia
COMPARTILHE

Conflitos intensos entre Armênia e Azerbaijão continuaram durante a madrugada de segunda-feira (28).

Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia, declarou apoio ao Azerbaijão em conflito com a Armênia pela contestada região de Nagorno-Karabakh.

Durante discurso proferido no Simpósio sobre Direito Marítimo Internacional, realizado em Istambul, nesta segunda-feira (28), Erdogan declarou:

“Chegou a hora de acabar com a ocupação armênia, chegou a hora de responsabilizá-la. Caso contrário, a Armênia continuará fazendo tudo o que quiser. Ela deve se retirar dos territórios ocupados. Todo mundo sabe que essa terra é do Azerbaijão.”

Segundo o site Sputnik, Erdogan acrescentou:

“A chamada troika de Minsk, composta por Rússia, França e Estados Unidos, não conseguiu resolver esse problema por quase 30 anos. Eles fizeram o possível para não resolver esse problema. E agora eles querem ensinar o que fazer, e às vezes chegam até a ameaçar. Que tipo de ameaças são essas?”

O mandatário turco foi enfático em suas críticas ao governo da Armênia:

“As terras ocupadas são terras do Azerbaijão. Ele [Azerbaijão], querendo ou não, foi forçado a resolver este problema sozinho.”

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram