Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

TV da China censura jogo de futebol após crítica ao regime

Tarciso Morais

Tarciso Morais

TV da China censura jogo de futebol após crítica ao regime
COMPARTILHE

“Alcorões estão sendo queimados”, disse jogador do Arsenal em mensagem que gerou revolta na China.

A partida entre Arsenal e Manchester City, pelo Campeonato Inglês, realizada neste domingo (15), foi retirada da programação da TV pública chinesa CCTV.

A decisão foi tomada após o atleta Mesut Özil manifestar apoio público aos muçulmanos uigures que vivem em campos de detenção de Xinjiang, na China, informa o jornal Gazeta do Povo.

Na última sexta-feira (13), em suas redes sociais, Özil declarou:

“Alcorões estão sendo queimados, há mesquitas destruídas, escolas islâmicas proibidas, intelectuais religiosos assassinados, um após o outro, irmãos enviados à força para campos.”

E, compartilhando no texto a bandeira do que os separatistas uigures chamam de Turquestão Oriental, acrescentou:

“Os muçulmanos continuam calados. A voz deles não é ouvida.”

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram