Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

UE pede a Ortega que ponha um ‘fim imediato à violência’ na Nicarágua

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

A União Europeia enviou uma advertência ao regime do esquerdista Daniel Ortega na Nicarágua.

A Alta Representante para Assuntos Exteriores e Políticos de Segurança da União Europeia (UE) e vice-presidente da Comissão Europeia, a italiana Federica Mogherini, pediu nesta terça-feira (17) ao regime da Nicarágua que ponha “um fim imediato à violência” que, desde abril, já deixou mais de 350 mortos.

A delegação da União Europeia na Nicarágua comunicou:

Mogherini escreveu ao Ministro das Relações Exteriores nicaraguense, Denis Moncada, pedindo o fim imediato da violência, da repressão e das detenções arbitrárias, e que sejam respeitadas as liberdades fundamentais.

Nesta terça-feira (17), as chamadas “forças combinadas” do regime da Nicarágua mantinham isolada a cidade de Masaya e realizavam um forte ataque armado à comunidade de Monimbó, uma das que oferece maior resistência ao presidente esquerdista Daniel Ortega.

Horas antes, as mesmas forças tinham atacado a cidade vizinha de Nindirí, situada entre Manágua e Masaya.

A diplomata europeia “expressou suas condolências a todas as vítimas da violência e fez um pedido para que seus autores sejam responsabilizados judicialmente e que os grupos armados irregulares sejam desmantelados”.

 

Com informações da EFE

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias