Últimos jihadistas do Estado Islâmico encurralados

Idiomas:

Português   English   Español
Últimos jihadistas do Estado Islâmico encurralados
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O povoado de Baghuz, no leste da Síria, é o último reduto do grupo terrorista Estado Islâmico (EI).

Jihadistas seguem resistindo na localidade à ofensiva final das Forças Democráticas Síria (FDS), aliança curdo-árabe apoiada pelos Estados Unidos.

Centenas de extremistas islâmicos continuam entrincheirados em um pequeno bolsão de 500 metros quadrados em Baghuz, na província de Deir Ezzor, perto da fronteira com o Iraque.

Unidades especiais foram montadas para retirar as famílias dos membros do EI, muitos dos quais ainda resistem a deixar o local.

Com a operação de retirada de civis em andamento, as FDS desaceleraram sua ofensiva e acusam os jihadistas de usar os remanescentes como “escudos humanos”.

Na última terça-feira (19), depois de uma pausa de vários dias, dezenas de civis e combatentes do Estado Islâmico, especialmente estrangeiros, se entregaram às FDS, como noticiou a RENOVA.

Os terroristas do EI controlam apenas algumas casas de Baghuz. Estão escondidos em túneis, no meio de um mar de minas instaladas por eles para impedir o avanço das FDS, informa a revista VEJA.

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as últimas notícias do Brasil e do Mundo.

Curta, siga e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
SIGA A RENOVA NO TWITTER

Deixe seu comentário...

Veja também...