Uma nova crise de refugiados começando na Nicarágua?

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Milhares de cidadãos na Nicarágua buscam desesperadamente agilizar a documentação necessária para fugir do caos gerado pela repressão violenta do governo de Daniel Órtega contra a população pedindo sua renúncia.

Os países vizinhos da América Central são as destinações escolhidas pela maior parte dos nicaraguenses que, após dois meses de crise, já deixaram o país.

“Milhares de pessoas vêm diariamente para fazer a papelada”, disse Nubia Manzanares, agente de migração, acrescentando que a maior parte são famílias.

As filas nos escritórios como o dela são intermináveis, enquanto famílias e jovens tentam partir em particular para a Costa Rica, o principal destino dos nicaraguenses.

De acordo com o analista político Eliseo Nunez, parte da estratégia do esquerdista Daniel Ortega é incitar o pânico a desencadear a migração, particularmente da classe média, um setor fortemente contrário ao governo.

A crise provocada por protestos relativamente pequenos contra as reformas da segurança social se transformou em um movimento explosivo exigindo que Ortega, juntamente com sua esposa e vice-presidente Rosario Murillo, deixem o cargo.

 

Traduzido e adaptado de Yahoo!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.