Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Universidades dos EUA avançam sistema de vigilância similar ao chinês

Universidades dos EUA avançam sistema de vigilância similar ao chinês
Imagem: Gilles Sabrié/The New York Times
COMPARTILHE

A China lançou um avançado sistema de crédito social no ano passado para vigiar seus próprios cidadãos e aplicar punições.

Três proeminentes universidades dos Estados Unidos estão usando dinheiro dos contribuintes para criar uma rede de vigilância projetada para monitorar os americanos e atribuir a eles pontuações com base na exposição ao coronavírus.

Equipes de pesquisadores da Universidade do Sul da California, da Universidade Emory e do Centro de Ciências da Saúde da Universidade do Texas receberam uma doação federal para criar um aplicativo móvel que rastreia o Covid-19.

O sistema vai ser capaz de rastrear a localização e os sintomas dos cidadãos em tempo real para calcular uma pontuação de risco para cada pessoa, informa o portal Dot.La.

Apesar das boas intenções, a iniciativa está gerando preocupações em termos de privacidade.

Bennett Cyphers, tecnólogo da equipe da Electronic Frontier Foundation, um grupo sem fins lucrativos de defesa de direitos digitais, disse que é preciso haver “um equilíbrio cuidadoso entre proteção da privacidade e benefícios para a saúde pública”.

“Quando você introduz ‘pontuação’ que leva em consideração outros fatores, isso complica tudo e aumenta o risco de que os usuários sejam mal informados ou discriminados devido a fatores fora de seu controle”, destacou Cyphers.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários