URGENTE: Votação para a presidência do Senado será aberta

Idiomas:

Português   English   Español
URGENTE: Votação para a presidência do Senado será aberta
JOÃO GUILHERME
JOÃO GUILHERME
Estudante e interessado em política, história e religião.

Após intenso debate entre senadores, maioria absoluta da casa se manifestou em defesa do voto aberto.

Com o apoio de 50 senadores, ficou decidido pela casa mais importante do legislativo brasileiro que a votação para a presidência do Senado será aberta, ou seja, os senadores terão de declarar seus votos publicamente. O quórum da sessão era de 53 senadores, tendo dois deles votado contra a questão de ordem que pedia o voto aberto. O 53º elemento era o presidente em exercício, Davi Alcolumbre.

O principal embate era entre o senador Renan Calheiros (MDB-AL) e Davi Alcolumbre (DEM-AP). Senadores favoráveis ao voto aberto levantaram questão de ordem para que a eleição seguisse este rito, enquanto os apoiadores de Renan foram contrários a elas.

O senador Eduardo Fraga, defensor assíduo de Renan, insistia que Alcolumbre não poderia presidir a sessão sendo candidato, levando Rodrigo Pacheco (DEM-MG) a pedir a palavra para defender o correligionário. Fraga não foi o único a ser alterar. Renan Calheiros chegou a se descontrolar e a chamar Rodrigo Pacheco de canalha.

Ao fim da votação, Katia Abreu (PDT-TO) subiu à mesa aos gritos na intenção de retirar Alcolumbre da presidência à força.

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as principais notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque