- PUBLICIDADE -

Vaccari é condenado pela 7ª vez no âmbito da Lava Jato

Vaccari foi preso em abril de 2015 e deixou a prisão em setembro de 2019.

- PUBLICIDADE -

Pela sétima vez, João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT), foi condenado no âmbito das investigações da operação “Lava Jato”.

Vaccari pegará uma pena de 6 anos, 6 meses e 22 dias de prisão, de acordo com decisão do juiz Luiz Antônio Bonat, da 13ª Vara Federal de Curitiba. 

Nesta ação, Vaccari foi acusado de ter intermediado pagamento de R$ 2,4 milhões feito à Gráfica Atitude, a pedido do PT, pelas empresas Setec e SOG Óleo e Gás.

Ambas as companhias são do empresário Augusto Ribeiro de Mendonça Neto, um dos primeiros delatores da Lava Jato.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -