Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Vaccari e Duque condenados na Lava Jato por corrupção

COMPARTILHE

A propina envolvida no esquema teria somado U$S 43,9 bilhões. Ambos poderão recorrer em liberdade.

João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT), e Renato Duque, ex-diretor de Serviços da Petrobras, foram condenados em processo da Lava Jato que investiga propinas em contratos de navios-sondas com a estatal petrolífera.

O juiz da 13ª Vara Federal de Curitiba, Luiz Antônio Bonat, assinou a sentença nesta quarta-feira (19).

O operador financeiro do estaleiro Jurong no Brasil, Guilherme Esteves de Jesus, também foi considerado culpado pelos crimes.

De acordo com o magistrado, as investigações calcularam que a propina paga aos ex-diretores da Petrobras e ao PT, “responsável pela sustentação política de Renato Duque no cargo de diretor da Petrobras”, correspondia a 0,9% do valor dos contratos, que somaram mais de US$ 43,9 bilhões, destaca o site Poder360.

Essa foi a primeira sentença de Bonat na Lava Jato desde que assumiu a 13ª Vara Federal de Curitiba, em março de 2019.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários