Vaticano pune ex-arcebispo da Polônia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Papa Francisco tenta enfrentar a crise generalizada de abuso sexual.

O Vaticano puniu o ex-arcebispo de Wroclaw, na Polônia, após investigações de negligência diante de acusações de abuso sexual.

A medida contra o aposentado arcebispo Marian Golebiewski foi anunciada, neste sábado (21), pela Arquidiocese de Wroclaw, no leste da Polônia.

Agora, Gloebiewski está banido de participar de cerimônias públicas, tanto religiosas quanto seculares. O ex-arcebispo, de 83 anos, foi ordenado a “viver no espírito de penitência e oração”.

Ele também foi ordenado a pagar uma “quantia adequada” para um fundo que ajuda vítimas de abuso.

Este foi o caso mais recente de acusações de abuso sexual ou acobertamentos na Polônia, um país predominantemente católico.

O caso de Golebiewski acontece no momento em que o Papa Francisco tenta enfrentar a crise generalizada de abuso sexual que manchou gravemente a imagem da Igreja Católica em todo o mundo.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.