Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Velha imprensa britânica compra briga com Boris Johnson

COLUNA | Boris Johnson: um perfil
COMPARTILHE

Jornalistas da velha imprensa britânica abandonaram entrevista coletiva na sede do governo britânico.

Lee Cain, diretor de Comunicação de Boris Johnson, primeiro-ministro do Reino Unido, restringiu um encontro, nesta segunda-feira (3), com a imprensa a um grupo determinado de repórteres.

O governo britânico convidou jornalistas de cerca de 12 organizações para comparecer a um encontro onde seriam transmitidas “informações técnicas” sobre os planos comerciais de Johnson após o Brexit.

Jornalistas que habitualmente comparecem a esses encontros, mas não tinham recebido o convite, também apareceram, mas tiveram o acesso à entrevista coletiva barrado.

Após o anúncio do governo, todos os jornalistas deixaram a sala, inclusive aqueles que haviam sido selecionados pelo governo.

Entre os veículos barrados estavam o Daily Mirror, o Independent, o PoliticsHome e outros.

Questionado sobre por que alguns meios de comunicação foram barrados, Cain respondeu que “nós recebemos para informar quem quer que nós queiramos, quando quer que queiramos”, informa O Globo.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE