Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Venezuela intercepta navio e acusa Guiana de violar sua soberania

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Venezuela intercepta navio e acusa Guiana de violar sua soberania

A Marinha da Venezuela interceptou no sábado (22) um navio explorando petróleo em nome da Exxon em águas da vizinha Guiana. A disputa por fronteiras entre os dois países já dura mais de um século.

A informação foi confirmada pelo Ministério das Relações Exteriores da Guiana em um comunicado.

As descobertas de petróleo em alto-mar nos últimos anos apresentaram à Guiana o potencial de se tornar um dos maiores produtores da América Latina.

Por outro lado, na Venezuela, a produção de petróleo caiu para os níveis mais baixos em quase 70 anos em meio ao colapso causado pelas políticas socialistas do regime de Nicolás Maduro.

Um navio realizando pesquisas sísmicas em nome da Exxon interrompeu a exploração e se dirigiu de volta ao porto depois de ser abordado pela Marinha venezuelana, registra “O Globo“.

Neste domingo (24), a ditadura da Venezuela disse, em comunicado, que a marinha do país, em patrulha de rotina, encontrou embarcações a serviço da Exxon em uma área “de soberania inquestionável da Venezuela” e “seguiu os protocolos internacionais apropriados”, informa a “Folha“.

O ministério das Relações Exteriores da Guiana disse que vai reportar o incidente às Nações Unidas e enviará uma comunicação formal à ditadura da Venezuela.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email