Português   English   Español

Venezuela: um país de milionários pobres

A grande ironia da ditadura de Nicolás Maduro: a Venezuela petroleira se tornou um país de milionários, mas arruinado.

Entre bancas de verduras, carne e sapatos falsificados, no mercado de Chacao, em Caracas, escuta-se cidadãos se queixando do custo de vida.

A cada dia, os venezuelanos têm que desembolsar cifras de sete, ou oito dígitos, para comprar farinha de milho para as arepas, arroz, pão ou outro carboidrato.

Carmen Machado, 57 anos, foi demitida há alguns dias de uma empresa de limpeza de escritórios. Recebeu 5,8 milhões de bolívares por quatro anos de serviço – o equivalente a um quilo de carne.

Para piorar, os preços aumentam mais de uma vez por semana.

De acordo com o Parlamento, de maioria opositora, a hiperinflação foi de 24.571% nos últimos 12 meses e acumulou 1.995% de janeiro a maio.

 

Com informações de BOL

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter