Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

‘Verdade foi dita, exposta em vídeo’, diz Moro

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Sergio Moro defende vetos no projeto de abuso de autoridade
Imagem: Reprodução/Wenderson Araujo

“A verdade foi dita, exposta em vídeo, mensagens, depoimentos e comprovada com fatos posteriores”, diz Moro.

O ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, comentou, nesta sexta-feira (22), sobre a divulgação do vídeo da reunião ministerial do dia 22 de abril.

O vídeo é parte do inquérito autorizado pelo decano do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello, a pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), para apurar a acusação de Moro contra o presidente da República, Jair Bolsonaro.

Em comentário nas redes sociais, Moro declarou:

“A verdade foi dita, exposta em vídeo, mensagens, depoimentos e comprovada com fatos posteriores, como a demissão do Diretor Geral da PF e a troca na superintendência do RJ. Quanto a outros temas exibidos no vídeo, cada um pode fazer a sua avaliação.”

A transcrição de uma parte do trecho em que Bolsonaro cita a “segurança” da família no Rio na reunião de 22 de abril pode ser conferida abaixo:

“Já tentei trocar gente da segurança nossa no Rio de Janeiro, oficialmente, e não consegui! E isso acabou. Eu não vou esperar foder a minha família toda, de sacanagem, ou amigos meu, porque eu não posso trocar alguém da segurança na ponta da linha que pertence a estrutura nossa. Vai trocar! Se não puder trocar, troca o chefe dele! Não pode trocar o chefe dele? Troca o ministro! E ponto final! Não estamos aqui pra brincadeira.”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias