Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Violando sanções da ONU, Coreia do Norte envia trabalhadores à China

Tarciso Morais

Tarciso Morais

COMPARTILHE

A Coreia do Norte começou nos últimos dias a enviar trabalhadores para a China, violando as sanções impostas pelas Nações Unidas (ONU) contra a ditadura de Kim Jong-un.

Sanções foram aplicadas devido aos contínuos testes de armas nucleares da Coreia. Além disso, o Conselho de Segurança da ONU aprovou a Resolução n º 2.375 em setembro passado, que prevê que os membros da ONU não podem conceder novas permissões de trabalho para os trabalhadores norte-coreanos.

Vários meses depois, em dezembro, o Conselho de Segurança das Nações Unidas adotou a Resolução n º 2.397, que obriga os membros das ONU a repatriar todos os trabalhadores norte-coreanos no prazo máximo de 24 meses. O regime de Pequim emitiu uma ordem para repatriar trabalhadores norte-coreanos no final do ano passado.

No entanto, depois que o líder norte-coreano Kim Jong-un visitou a China no fim de março, a mídia informou que dezenas de trabalhadores norte-coreanos foram enviados para o outro lado da fronteira com a China.

Citando informações do governo sul-coreano, o jornal da Coreia do Sul Dong-a Ilbo noticiou em 3 de abril que as empresas chinesas na cidade de Dandong, fronteira com a Coreia do Norte, e de outras cidades fronteiriças, deixaram de repatriar trabalhadores norte-coreanos.

O governo da Coreia do Sul descobriu que havia cerca de 20 a 30 caminhões viajando entre Dandong e a Coreia do Norte todos os dias no início de 2018. Mas esse número aumentou para 50 em março. O número de caminhões que viajam entre a fronteira é um dos principais indicadores da frequência do comércio entre a China e a Coreia do Norte. Antes das sanções da ONU contra a Coreia do Norte em setembro passado, o número havia chegado a mais de 100 caminhões por dia.

 

Com informações de: [ET]
- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.