- PUBLICIDADE -

Visitas a Lula não precisam mais ser agendadas

Visitas a Lula não precisam mais ser agendadas
- PUBLICIDADE -

Lula ocupa “sala especial” na sede da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba, desde 7 abril de 2018, por ordem do então juiz federal Sérgio Moro.

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) decidiu, nesta quarta-feira (12), que as visitas ao condenado Lula da Silva não precisarão mais ser agendadas.

O petista cumpre pena de 8 anos, 10 meses e 20 dias de prisão, na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, por corrupção e lavagem de dinheiro imposta pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), no caso do triplex do Guarujá.

A Corte que julga apelações da Lava Jato acolheu os argumentos da defesa de Lula e afastou a necessidade de agendamento de visitações com uma semana de antecedência. A decisão da 8ª Turma foi unânime, informa o jornalista Fausto Macedo.

Além do caso triplex, o petista também foi condenado a 12 anos e 11 meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro na ação penal que envolve o sítio em 6 de fevereiro passado, pela juíza substituta Gabriela Hardt, da 13.ª Vara Federal.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -