Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Wajngarten diz que inquérito da PF provará sua inocência

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Secom rebate fake news do jornal O Globo

“O que esse jornal tenta é me imputar a pecha de ‘criminoso’, o que não conseguirá!”, diz Wajngarten sobre a Folha.

Fabio Wajngarten, chefe da Secretaria de Comunicação da Presidência da República (Secom), comentou, nesta terça-feira (28), sobre o pedido do Ministério Público Federal (MPF) para que a Polícia Federal (PF) o investigue.

Os motivos da investigação são as supostas irregularidades na gestão da Secom.

De acordo com Wajngarten, a apuração será uma “oportunidade” para que ele prove que não cometeu irregularidades.

Em nota, segundo o site Poder360, o secretário também negou qualquer relação entre a liberação de verbas publicitárias do governo e os contratos da empresa, FW Comunicação e Marketing, da qual é sócio.

Confira abaixo a íntegra da nota do chefe da Secom:

“O pedido de um procurador do Ministério Público Federal para a Polícia Federal começar um inquérito para apurar supostas irregularidades na minha gestão à frente da Secretaria Especial de Comunicação da Presidência da República é uma oportunidade para eu provar que não cometi qualquer irregularidade.

Não há qualquer relação entre a liberação de verbas publicitárias do governo e os contratos da minha empresa – da qual me afastei conforme a legislação determina – anteriores à minha nomeação para o cargo, como pode ser atestado em cartório.

Qualquer interpretação afora essa realidade factual é notória perseguição de um veículo de comunicação, que não aceita a nova diretriz da Secom.

O que esse jornal tenta é me imputar a pecha de ‘criminoso’, o que não conseguirá!

Tenho um nome a zelar, um trabalho de mais de 20 anos no mercado, o seu respeito e reconhecimento. Não aceito e não aceitarei essa infame agressão à minha reputação pessoal e profissional.

Lutarei e denunciarei essa covardia. A verdade prevalecerá!

Fabio Wajngarten
Secretário de Comunicação Social da Presidência da República”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email