Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Weintraub acusa Maia de propagar fake news sobre Banco Votorantim

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Weintraub acusa Maia de propagar fake news sobre Banco Votorantim
COMPARTILHE

Weintraub foi economista-chefe e diretor do Banco Votorantim por 18 anos. Maia ironizou demissão do ex-ministro.

Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara dos Deputados, debochou da indicação do ex-ministro Abraham Weintraub para o Banco Mundial.

Em entrevista coletiva, nesta quinta-feira (18), Maia enfatizou:

“Não sabem que ele trabalhou no Banco Votorantim, que quebrou em 2009.”

Em mensagem no Twitter, Weintraub escreveu:

“Não vou comentar. Digo apenas que o Banco Votorantim nunca quebrou e que existe até hoje. A afirmação dele é uma mentira. Tive a honra de trabalhar lá. Comecei como liquidante (boy) e cheguei a diretor estatutário. Fui economista chefe, ranqueado várias vezes no Top 5.”

Em uma outra postagem, o economista acrescentou:

“Trabalhei no Votorantim por 18 anos. O Banco existe até hoje. Nunca quebrou! Atualmente invisto em títulos da dívida dessa instituição por acreditar em sua solidez e seriedade. Espalhar fake news sobre a solvência de uma instituição financeira é muito grave.”

Weintraub foi economista-chefe e diretor do Banco Votorantim, além de CEO da Votorantim Corretora no Brasil e da Votorantim Securities no Estados Unidos e na Inglaterra.

Em nota, o governo Bolsonaro confirmou a indicação o economista para diretor-executivo do grupo de países que o Brasil lidera no Banco Mundial.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.