Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Weintraub critica Amôedo por se afastar do ministro Salles

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Weintraub critica Amôedo por se afastar do ministro Salles
COMPARTILHE

“Quanto ao Amoedo, ele não me decepcionou. Era justamente isso que eu esperava dele”, escreveu Weintraub.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, reagiu, nesta sexta-feira (23), a uma nota do partido Novo que tenta negar a relação da sigla com o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

Nas últimas semanas, Salles vem sendo perseguido por organizações não governamentais (ONGs) e por políticos opositores. O partido Rede Sustentabilidade chegou a apresentar um pedido de impeachment contra o ministro por “crime de responsabilidade na condução da política ambiental brasileira”.

Nesta quinta-feira (22), uma nota divulgada pelo presidente do partido e presidenciável, João Amoêdo, na rede social Twitter, deixou claro que “Salles é um dos 47.739 filiados ao NOVO”, mas não “participa de nenhuma atividade partidária e nem exerce qualquer cargo dentro do partido”.

“O ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles, não foi uma indicação do NOVO e, portanto, não representa a instituição. O ministro foi escolhido e responde ao presidente Bolsonaro”, diz o texto.

Na manhã desta sexta-feira, citando uma matéria da RENOVA sobre o assunto, Weintraub manifestou apoio ao ministro Salles:

“Manifesto meu apoio ao Ministro Ricardo Salles, que enfrenta novamente uma campanha difamatória. Quanto ao Amoedo, ele não me decepcionou. Era justamente isso que eu esperava dele.”

O ministro acrescentou:

“Retiro o que disse quanto ao Amoedo no Twitter anterior. Antes achava que ele era mais um tucano com noções de economia. Ele não é tucano.”

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram