PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Witzel diz que Brasil está em guerra contra o terrorismo

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

“A sociedade ainda não entendeu que estamos numa guerra contra o terrorismo”, afirmou Witzel.

O governador Wilson Witzel (PSC) defendeu sua atuação na segurança pública do Rio de Janeiro e afirmou que o Brasil vive uma guerra contra o terrorismo.

Em entrevista à revista Época, publicada nesta quinta-feira (22), Witzel declarou:

“A sociedade ainda não entendeu que estamos numa guerra contra o terrorismo. Sempre escondemos, de certa forma, da população que o terrorismo está no Brasil. A sociedade quando vê as mortes só vê as consequências, não vê a causa.”

Witzel também defendeu sua política de enfrentamento da violência com ações mais intensivas das polícias em favelas onde há atuação de traficantes:

“Não há como combater crime com livros e com flores. As pessoas que estão no crime não querem saber de escolas nem de livros. A polícia tem de chegar para prender, se não houver rendição, tem de eliminar, tem de matar.”

Ao falar sobre a morte de inocentes durante ações policiais, o governador sugeriu que os próprios traficantes teriam matado moradores das comunidades para dificultar o trabalho da polícia:

“Não sei se as balas perdidas são um efeito colateral da minha política, não. O que imagino é que os traficantes causam essas mortes para impedir o trabalho da polícia.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.