Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

YouTube anuncia medidas para filtrar ‘discurso de ódio’

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
YouTube anuncia medidas para filtrar ‘discurso de ódio’

Plataforma digital anunciou que implementará medidas para proibir vídeos que promovam o “discurso de ódio”.

O YouTube anunciou, nesta quarta-feira (5), que vai proibir vídeos promovendo conteúdo com “discurso de ódio”, assim como aqueles que neguem eventos documentados, como o Holocausto, ou o massacre na escola de Sandy Hook, nos Estados Unidos.

O anúncio da plataforma de vídeos da gigante tecnológica Google faz parte de uma série de ações do setor para filtrar certos tipos de conteúdo após intensificação dos pedidos por maior regulamentação.

Em seu blog oficial, o YouTube afirmou:

“Hoje estamos dando um novo passo em nossa política contra o discurso de ódio, proibindo de forma específica os vídeos que aleguem que um grupo é superior para justificar a discriminação, segregação, ou exclusão baseada na idade, gênero, raça, casta, religião, ou orientação sexual.”

Ainda de acordo com o blog, a norma já entra em vigor nesta quarta-feira (5), mas precisará de um tempo mais longo para implementação completa:

“Levará tempo para que nossos sistemas se atualizem, por isso, a cobertura se ampliará gradualmente nos próximos meses.”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email