Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

YouTube não aceita que questionem a teoria do aquecimento global

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O YouTube está fazendo ‘fact-checking’ em vídeos que questionam a mudança climática. A iniciativa faz parte de um esforço para combater a “desinformação desenfreada” e “teorias conspiratórias” na plataforma.

Em 9 de julho, o YouTube acrescentou uma sinopse de texto em alguns vídeos sobre a mudança climática.

A explicação inserida foi retirada de um artigo na Wikipedia sobre o “aquecimento global”. Segundo informações da enciclopédia digital, existe “várias linhas de evidências científicas mostrando que o sistema climático está aquecendo”.

Este novo recurso do YouTube está de acordo com uma nova estratégia da empresa anunciada em março. A gigante tecnológica avisou que colocaria descrições da Wikipédia e da Enciclopédia Britânica em vídeos com tópicos que estimulem teorias da conspiração, como o pouso na Lua e o atentado em Oklahoma City.

Ao fazer o mesmo com os vídeos climáticos, a empresa parece estar entrando em um território intelectual cada vez mais complexo e repleto de teorias científicas contraditórias.

O YouTube não divulgou a lista completa de tópicos que está checando os fatos.

 

Adaptado da fonte Buzzfeed

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias