YouTube quer usar Wikipedia para acabar com teorias da conspiração

Idiomas:

Português   English   Español
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O novo recurso “sugestões de informações” deve aparecer na gigante de streaming de vídeos já nas próximas semanas.


Com o aquecimento dos debates sobre a questão das fake news, o YouTube resolveu tomar uma nova medida contra a disseminação de informações falsas.

A presidente da plataforma de vídeos, Susan Wojcicki, afirmou que a empresa vai passar a mostrar informações da Wikipédia em vídeos sobre teorias da conspiração.

De acordo com informações do Tecnoblog:

O novo recurso, chamado “sugestões de informação”, foi revelado na conferência South by Southwest. Se você pesquisar e clicar em um vídeo de uma teoria da conspiração — por exemplo, de que o homem nunca foi à Lua — haverá um link logo abaixo sobre a missão Apollo de 1969.

Esse recurso vai incluir apenas teorias de conspiração com “debates significativos” na plataforma. “Nosso objetivo é começar com uma lista de conspirações listadas na internet e que tenham muita discussão ativa no YouTube”, disse Wojcicki na SXSW.

Isso pode ser uma dor de cabeça para os editores da Wikipédia, que teriam que lidar com uma série de teóricos da conspiração tentando editar artigos. E Katherine Maher, diretora-executiva da Wikimedia Foundation, lembra no Twitter que este é um projeto “não-comercial e voluntário”.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...